Presidente Jair Bolsonaro, acompanhado da primeira dama, Michele Bolsonaro, participa de cerimônia de cumprimentos aos oficiais-generais promovidos.
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Em evento, presidente destaca papel das Forças Armadas

O presidente Jair Bolsonaro elogiou o trabalho das Forças Armadas em discurso durante cerimônia de promoção de oficiais-generais do Exército, da Marinha e da Aeronáutica, na tarde desta terça-feira (5), no Palácio do Planalto, em Brasília. 

“Os senhores são a âncora do nosso país, sempre presentes em qualquer situação. Isso traz tranquilidade para o governo, para os seus ministros, na certeza que o trabalho dos senhores é revertido para todos os 215 milhões de habitantes”, disse.

Numa referência a períodos anteriores da história do Brasil, sem citar quais, o presidente, que é capitão reformado do Exército, falou em “sacrifício da própria vida” em nome da pátria. “Sempre estivemos ao lado da legalidade. Tenha certeza, se a pátria um dia voltar a nos chamar, por ela tudo faremos, até mesmo em sacrifício da própria vida. O povo espera muito de nós. Querem paz, tranquilidade, transparência, querem um governo que trabalhe por eles”. 

O presidente disse que a economia do país se recuperou e que os dados econômicos têm mostrado para onde o país está indo. “Vencemos obstáculos terríveis, mas o Brasil é grande. Os problemas e as consequências desses obstáculos estão no mundo todo. E o Brasil foi um dos que menos sofreu na economia”. 

Bolsonaro voltou a criticar a cobertura da imprensa sobre sua gestão. “A gente lamenta, por parte da nossa imprensa, ataques descomunais. Estamos há três anos e três meses com foco de inquietação. Mas quem tem a consciência tranquila e Deus ao seu lado vence todos os obstáculos”.

Colunas