WhatsApp-Image-2022-05-011-730x480

Detran-MS reabre Centro de Educação Infantil para servidores e entrega oito vans

O Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul), reabriu nesta segunda-feira (9), o CEI Claudete de Oliveira da Vera Cruz, para filhos de servidores do Departamento com idades até cinco anos e entregou oito vans que irão atender a banca examinadora do órgão. Na ocasião, foi assinado o convênio com a Fapec (Fundação de Apoio a Pesquisa), que vai ser a responsável pelo funcionamento e entregue o investimento de R$ 2.292.800,00 em vans que irão suprir a necessidade de transporte para os servidores que atuam no interior do Estado.

Taxa de desemprego fica em 11,1% no primeiro trimestre, diz IBGE

A taxa de desemprego no Brasil atingiu 11,1% no trimestre de janeiro a março. O índice ficou estável na comparação com o período anterior em 2021. Esse é o menor índice para o trimestre encerrado em março desde 2016, quando também ficou em 11,1%. O número de desempregados que somou 11,9 milhões de pessoas, também ficou estável. A população ocupada estimada em 95,3 milhões recuou 0,5% na mesma comparação. Número representa menos 472 mil pessoas no mercado de trabalho.

IMG-20220428-WA0014

Polícia prende tutora de 19 gatos pelos crimes de maus-tratos e poluição ambiental

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada em Repressão a Crimes Ambientais e de Atendimento ao Turista – DECAT, por volta de 09h30 do desta quarta-feira (27), em ação repressiva de combate a maus-tratos e poluição, com o apoio técnico do Centro de Controle de Zoonoses- CCZ, compareceu a um imóvel residencial situado no bairro Vila Planalto, Campo Grande, onde constataram que em uma das duas edículas existentes nos fundos no terreno, 19 gatos eram mantidos trancados.

Dinheiro, Real Moeda brasileira

Investimentos no Tesouro Direto superam resgates em R$ 2,11 bilhões

Os investimentos em títulos do Tesouro Direto somaram R$ 4,13 bilhões em março, enquanto os resgates atingirtam R$ 2,02 bilhões. Dessa forma, houve emissão líquida de R$ 2,11 bilhões, segundo informou hoje (27), em Brasília, a Secretaria do Tesouro Nacional.

Em março, o total de investidores ativos no Tesouro Direto, aqueles que atualmente estão com saldo em aplicações no programa, teve um aumento de 37.993 investidores, atingindo a marca de 1.900.778 pessoas, a maior da série histórica iniciada em 2002.

O número de investidores cadastrados no programa aumentou em 521.402, crescimento de 73,94% em relação a março de 2021, chegando a 17.891.025 pessoas.

Operações de Investimento
As aplicações de até R$ 1 mil representaram 58,43% das operações de investimento no mês. O valor médio por operação foi de R$ 7.105,91. O título mais demandado pelos investidores foi o indexado à taxa Selic (Tesouro Selic) que totalizou, em vendas, R$ 2,40 bilhões e correspondeu a 57,97% do total.

Os títulos indexados à inflação (Tesouro IPCA+ e Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais) somaram R$ 1,30 bilhão e corresponderam a 31,50% das vendas, enquanto os títulos prefixados (Tesouro Prefixado e Tesouro Prefixado com Juros Semestrais) totalizaram R$ 435,11 milhões em vendas, ou 10,53% do total.

Resgates antecipados
Segundo o Tesouro Nacional, nas recompras (resgates antecipados), predominaram os títulos indexados à taxa Selic, que somaram R$ 1,04 bilhão (51,46%).

Os títulos remunerados por índices de preços (Tesouro IPCA+, Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais e Tesouro IGPM+ com Juros Semestrais) totalizaram R$ 586,88 milhões (29,01%), os prefixados, R$ 395,04 milhões (19,53%).

Prazo
Quanto ao prazo, a maior parcela de vendas se concentrou nos títulos com vencimento entre um e cinco anos, que alcançaram 81, 25% do total. As aplicações em títulos com vencimento acima de 10 anos representaram 17,09%, enquanto os títulos com vencimento de cinco a 10 anos corresponderam 1,66% do total.

Estoque
Em março de 2022, o estoque do programa fechou em R$ 86,41 bilhões, aumento de 3,87% em relação ao mês anterior (R$ 83,19 bilhões).

Os títulos remunerados por índices de preços se mantêm como os mais representativos do estoque somando R$ 47,29 bilhões, ou 54,72% do total. Na sequência, vêm os títulos indexados à taxa Selic, totalizando R$ 24,87 bilhões (28,78%), e os títulos prefixados, que somaram R$ 14,25 bilhões, com 16,49% do total.

Entrega-Monitores-Secretaria-de-Saúde-Fto-Bruno-Rezende-02-730x480

Parceria entre SES e Ministério da Saúde garante 100 monitores multiparamétricos para MS

Mato Grosso do Sul recebeu do Ministério da Saúde 100 monitores multiparamétricos – equipamento responsável pelo monitoramento de sinais vitais de pacientes – que poderão ser utilizados em unidades de saúde, tanto na área de cirurgia quanto para pronto atendimento. Estima-se que o equipamento doado chegue a R$ 4 milhões em investimento, considerando que cada unidade possa chegar perto de R$ 40 mil.

Para o secretário de Estado de Saúde, Flavio Britto, o programa do Ministério da Saúde que conta com a parceria público-privado entre o Estado da Paraíba e a empresa Lifemed (que desenvolve equipamentos médicos e hospitalares), representa uma grande conquista para a Saúde. “Nós só podemos agradecer a essa estratégia do Ministério da Saúde que passa a Mato Grosso do Sul, a doação de 100 equipamentos que são extremamente importantes para o Estado. Nós fizemos a compra de 25 carrinhos anestésicos e esses equipamentos são fundamentais para cirurgia, por exemplo. Assim, vamos fazer a distribuição destes equipamentos recebidos para aqueles municípios seguindo critério e de acordo com a sua necessidade”.

Presente no evento realizado na Sala de Situação da SES, o secretário de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Rocha, destacou a importância das parcerias realizadas em prol da Saúde. “Essa é a parceria que o Governo de Mato Grosso do Sul faz para a saúde pública com objetivo de melhorar a vida do sul-mato-grossense. Agradecemos ao Ministério da Saúde, através do Sistema SUS, ao Estado da Paraíba e a empresa, que trouxe o equipamento até aqui, essa parceria vai ajudar muito a equipar a Saúde de todo o nosso Estado”.

A doação dos equipamentos faz parte do Projeto para o Desenvolvimento Produtivo (PDP) – (Foto: Bruno Rezende)

Segundo a coordenadora geral do Núcleo Estadual do Ministério da Saúde em MS, Silvia Raquel Bambokian, a transferência de tecnologia do implemento da estrutura da logística do Sistema Único de Saúde é muito importante. “Esses equipamentos vão aprimorar o atendimento e garantir uma saúde de qualidade e de resolutividade a toda população sul-mato-grossense”.
O coordenador de projetos do Núcleo de Tecnologias Estratégicas em Saúde da Universidade Estadual de Paraíba (Nutes/UEPB), Paulo Eduardo Silva Barbosa, é o único laboratório público credenciado responsável pela montagem dos equipamentos pela Anvisa.

“A parceria para o desenvolvimento produtivo é uma iniciativa do Ministério da Saúde que visa incorporar tecnologias estratégicas ao SUS. Ela consiste para uma tecnologia específica de um parceiro público – (que realiza essa internalização visando melhorias para o SUS) e outro privado – (detentor da tecnologia). Desta forma, lá no laboratório da Universidade Estadual da Paraíba, nós temos a capacidade de montagem dos equipamentos que estão nesta PDP, somos o único laboratório público, com uma linha de produção totalmente acreditada pela Anvisa no setor público”, explica Barbosa.

Projeto
A doação dos equipamentos faz parte do Projeto para o Desenvolvimento Produtivo (PDP), uma parceria entre o Núcleo de Tecnologias Estratégicas em Saúde da Universidade Estadual de Paraíba (Nutes/UEPB), a empresa Lifemed (que desenvolve equipamentos médicos e hospitalares) e o Ministério da Saúde.
Firmada em 2013, a parceria entre as instituições visa a cooperação mediante acordo entre instituições públicas e entidades privadas para desenvolvimento, transferência e absorção de tecnologia, produção, capacitação produtiva e tecnológica do país em produtos estratégicos para atendimento às demandas do SUS.

Marcio-Fernandes-sidrolandia-foto-fernando-hassessian

Em Sidrolândia, Marcio Fernandes realiza novo mutirão de castração; confira agenda da semana

Médico veterinário e há anos preocupado com o abandono de cães e gatos nas ruas, o deputado estadual Marcio Fernandes (MDB) realizou na noite desta segunda-feira (18) mais um mutirão de castração em Sidrolândia. Mesmo após ativar a Unidade Móvel de Castração de Cães e Gatos (Castramóvel) e destinar mais R$ 200 mil para a reforma do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) o parlamentar continua olhando para a cidade.