Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Polícia Civil prende mulheres condenadas por roubo contra idoso

Na ocasião, a vítima, um idoso de 65 anos de idade, foi amarrado e agredido com golpes de marreta.  Em diligências visando dar efetividade a decisões judiciais, a Polícia Civil de Três Lagoas, através da Seção de Investigações Gerais e do Núcleo Regional de Inteligência, prendeu duas mulheres, em cumprimento a mandados de prisão por condenação a oito anos de reclusão cada uma, pela prática do crime de roubo majorado em razão de lesão corporal de natureza grave sofrida pela vítima, um homem de 65 anos de idade.

Os mandados de prisão foram expedidos pela 2a Vara Criminal de Três Lagoas no dia 18.

Por ocasião do crime, as duas mulheres presas, juntamente com a filha de uma delas, invadiram uma residência, e de lá subtraíram roupas, eletrodomésticos e um veículo da vítima, tudo avaliado, à época dos fatos, em R$ 16.000,00.

De acordo com o apurado no processo, na madrugada do crime, uma das mulheres invadiu a residência da vítima e de posse de uma marreta, exigiu que o idoso lhe entregasse dinheiro, mas diante da negativa do homem, passou a agredi-lo com marretadas na cabeça e pelo corpo, e depois, amarrou suas mãos, utilizando-se de peças de roupas e de um cinto. Em seguida, com a ajuda de uma das comparsas, carregou o veículo da vítima com diversos pertences, e depois, após a subtração dos objetos, antes de deixar a residência, ainda passou a pisotear a cabeça do idoso, saindo do local e deixando-o amarrado e sangrando. Após diligências, as mulheres foram identificadas, e o inquérito policial tramitou pela 3ª Delegacia de Polícia Civil, tendo a autoridade policial daquela unidade representado pela prisão temporária das mulheres, as quais foram presas dias depois.

No final do processo, as mulheres foram condenadas cada uma a oito anos de reclusão, e após recorrerem da sentença, as condenações foram mantidas, e assim expedidos os mandados de prisão.

De posse dos mandados, durante esta semana, equipes da SIG iniciaram diligências para o seu cumprimento, e com apoio do Núcleo Regional de Inteligência, prenderam as duas mulheres. A primeira, de 28 anos de idade, foi presa nas proximidades da rodoviária local, e a segunda, de 45 anos de idade, foi presa no Bairro Santa Rita. A terceira mulher envolvida no crime já encontrava-se presa.

Após as prisões, elas foram conduzidas até a sede da SIG/TL pela equipe policial, onde foram dados os devidos cumprimentos da ordem judicial, tendo as mesmas passado por exame de corpo de delito junto ao IML, e posteriormente encaminhadas ao Estabelecimento Penal Feminino de Três Lagoas, onde permanecerão, à disposição da Justiça.

A Seção de Investigações Gerais de Três Lagoas solicita a colaboração e apoio de toda população trêslagoense, com informações sobre a prática de crimes e localização de indivíduos foragidos da Justiça, sendo que as denúncias poderão ser realizadas através dos telefones (67) 3929-1173 ou (67) 99226-8210 (WhatsApp). O sigilo e anonimato são assegurados.

Colunas