Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

MS é o Estado que mais cresce no Brasil, afirma Reinaldo Azambuja

“O Estado de Mato Grosso do Sul é o primeiro colocado em crescimento no Brasil”, comemorou o governador Reinaldo Azambuja, nesta semana, ao comentar projeções da consultoria MB Associados que indicam que o PIB (Produto Interno Bruto) sul-mato-grossense deve liderar o crescimento entre os estados com agronegócio forte.

De acordo com levantamento divulgado pelo jornal Folha de São Paulo, no acumulado de 2020 a 2022, no período pandêmico, Mato Grosso do Sul tem projeção de crescimento de 4,9%, seguido por Tocantins, com 4,7%, Goiás, 4,5%, Pará, 4%, e Espírito Santo, com 3,9%.

Para o governador, a evolução econômica representa ganhos para todos os cidadãos. “Ser o maior crescimento do PIB na pandemia é muito significativo. PIB é riqueza, é emprego e desenvolvimento. PIB é oportunidades. Isso tem muito a ver com as reformas estruturantes e organização que fizemos no Estado desde 2015, o que fortaleceu a economia local”, destacou.

“Isso tem muito a ver também com a credibilidade da nossa lei de incentivos e a atração de indústrias que potencializam o crescimento. E o mais importante: além de ser o maior crescimento do PIB na pandemia, a projeção para 2022, 2023 e 2024 é que Mato Grosso do Sul deve continuar sendo o Estado com maior crescimento”, reforçou.

A pouco mais de oito meses do fim do mandato, Reinaldo Azambuja disse que esse crescimento econômico será uma importante herança para o próximo gestor do Estado. “Vamos deixar um legado ao final do meu mandato, em 31 de dezembro, de que nós em 10 anos tivemos o maior crescimento de oportunidades de emprego, de desenvolvimento de todos os estados brasileiros e isso é um ganho de toda a sociedade”, pontuou.

Colunas