Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Para Longen, entrega do Bioparque Pantanal representa fortalecimento da indústria do turismo

Ao participar da inauguração do Bioparque Pantanal, realizada nesta segunda-feira (28/03), o presidente da Fiems, Sérgio Longen, destacou que a entrega da obra representa o fortalecimento da indústria do turismo em Mato Grosso do Sul, o que deixa o Estado ainda mais em evidência a partir de agora. “Entendemos que a indústria do turismo está sendo prestigiada e, cada vez mais, o Estado enxerga nesse segmento um potencial de desenvolvimento e crescimento econômico e social. A indústria do turismo é o futuro e deve ser olhada como um grande vetor de crescimento para Mato Grosso do Sul”, afirmou.

Durante o evento, representantes de vários segmentos do turismo, educação, pesquisa comemoraram a inauguração do complexo com 19 mil m² de área construída. O governador Reinaldo Azambuja ressaltou que o dia é um marco para a história do Estado. “Hoje é dia de agradecimento pela conclusão desse empreendimento que será tão importante. Nós transformamos essa obra em um Bioparque que vai fomentar a pesquisa, a ciência e o desenvolvimento. Aqui se consuma um ato de respeito institucional. Nossas ações devem estar sempre acima das políticas partidárias, aqui prevaleceu o interesse público coletivo”, declarou.

Na avaliação do secretário estadual de Infraestrutura, Eduardo Riedel, a inauguração do Bioparque Pantanal entra para a história de Mato Grosso do Sul. “É um orgulho fazer parte do comitê que acompanhou cada passo de finalização dessa obra. Isso é resultado do empenho de um grupo enorme de pessoas. Nós ainda temos o desafio da gestão, muitas coisas mudaram nos últimos anos, tivemos de readequar toda essa estrutura para um novo momento, mas estamos com a sensação de dever cumprido. Esse espaço vai transformar as próximas gerações no nosso Estado”, salientou.

O presidente da Assembleia Legislativa, Paulo Corrêa, parabenizou o esforço coletivo para a finalização da obra. “Para nós é motivo de muito orgulho porque é um marco. Estamos terminando essa obra e vamos dizer aos nossos filhos e netos que temos aqui um símbolo do Pantanal e que homenageia o Estado”, disse.

Lançada pelo então governador André Puccinelli, a obra foi anunciada em 2011. Após mais de uma década o ex-governador também esteve presente ao evento de inauguração e foi homenageado. “Fico feliz e honrado por estarmos todos juntos participando de um fato histórico para Mato Grosso do Sul. Isso representa um futuro promissor para o emprego e desenvolvimento. Um ponto turístico capaz de atrair visitantes do mundo inteiro, estamos diante de um símbolo que colocará nosso estado no mapa do mundo. Um sonho realizado”, comentou.

Representando o Senado Federal, a senadora Simone Tebet falou do orgulho de Mato Grosso do Sul por abrir as portas do Bioparque e poder levar o nome do pantanal para todo o Brasil e o mundo. “Eu acompanhei essa história. Essa não é uma obra de partido, essa é uma obra de Mato grosso do sul. É desenvolvimento e serviço para o estado. Aqui se dará a indústria do conhecimento, estudos, ciência, soluções sairão daqui”, finalizou.

Visitação

Com aproximadamente 19 mil m² de área construída, o Bioparque Pantanal conta com 33 tanques, sendo 23 internos e oito externos, além de um tanque de abastecimento e outro de descarte de efluentes, totalizando um volume de cinco milhões de litros de água. O complexo ainda oferece um museu interativo, biblioteca, auditório com capacidade para 250 pessoas, sala de exposição e laboratórios de pesquisa para estudantes, cientistas e pesquisadores.

A visitação aberta ao público em geral terá início no dia 1º de maio e os primeiros 30 dias após a inauguração serão de treinamento, com agendas internas e institucionais. As visitas serão gratuitas até o último dia do ano e a capacidade diária será de 300 pessoas, 150 pela manhã e 150 à tarde com agendamento prévio.

Outras atividades possíveis de serem realizadas dentro do Bioparque, que serão importante gerador de receitas para sua manutenção, são eventos como seminários, conferências, formaturas ou eventos sociais.

Colunas