Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Atuação efetiva nos bairros são as principais características da atuação de Mattogrosso

A necessidade de ampliação da participação feminina na política, principais ações e conquistas durante o período em que foi titular da SECIC (Secretaria de Estado de Cidadania e Cultura) e os próximos projetos como vereador da Capital foram alguns dos temas debatidos por João César Mattogrosso (PSDB), durante entrevista à Rádio Hora.

Em conversa com o jornalista Arthur Mário, o vereador que está em seu segundo mandato e retornou à Casa de Leis no dia 1º de abril, apontou que entre as conquistas mais relevantes de sua atuação na Câmara Municipal estão as emendas parlamentares obtidas com apoio da bancada federal de Mato Grosso do Sul, que beneficiaram diversos bairros e setores importantes para o desenvolvimento da cidade.

“Somente em 2021 foram R$55 milhões em emendas reivindicadas e seguiremos buscando recursos. Nosso mandato é pautado no trabalho, em resultado e não em uma vereança de troca de lâmpadas e tapa-buracos. Prova disso são os resultados positivos na luta pela pavimentação de ruas do Parque Dallas, Rita Vieira e Jardim Itatiaia, entre outros”, aponta João César Mattogrosso.

À frente da SECIC, onde atuou por 11 meses a convite do governador Reinaldo Azambuja, deixou sua marca ao viabilizar, por meio do Governo do Estado, o maior investimento para a área da cultura em Mato Grosso do Sul. O pacote da retomada atingiu R$130 milhões, com valorização da cultura regional na contratação de shows, eventos e restauração de importantes obras que retratam e preservam a memória e tradições do Estado.

“O Governo do Estado fez nos últimos 18 meses o maior investimento da história da cultura de Mato Grosso do Sul. Em 44 anos de criação, o Estado nunca havia recebido tantos recursos para a área, destacando a valorização dos trabalhadores da cultura. Um marco, principalmente durante a pandemia, onde o setor foi um dos segmentos mais impactados”, avalia.

João César ainda destacou que as conquistas contaram com o apoio e a visão estratégica do então secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel.

“Sem dúvida o Riedel exerceu um papel indispensável no governo, com muita inteligência e senso de gestão. Em sete anos como secretário conheceu Mato Grosso do Sul como ninguém, sempre com abertura e diálogo pelo bem da população”, opina o vereador.

Orçamento Impositivo – Entre as prioridades do parlamentar está a retomada de seu Projeto de Emenda a Lei Orgânica do Município, a LOM, que prevê a implantação do Orçamento Impositivo, cujo o objetivo é proporcionar aos vereadores um protagonismo maior frente ao orçamento, enquanto conhecedores dos problemas do município.

 “O orçamento impositivo visa fortalecer a atuação e desempenho nas atividades dos vereadores, reconhecendo a competência dos 29 parlamentares enquanto conhecedores dos microproblemas do município e representantes diretos da comunidade”, defende João César Mattogrosso.

Na prática os parlamentares já participam da elaboração do orçamento anual por meio de emendas, aperfeiçoando a proposta encaminhada pelo Poder Executivo e acrescentando novas programações, mas a legislação não prevê a obrigatoriedade da efetivação dessas intervenções realizadas pelos vereadores.

“Todos os anos a Câmara Municipal realiza a devolução de duodécimos à Prefeitura. Este recurso pode ser aplicado em propostas apresentadas pelos próprios vereadores e seguiremos defendendo esse projeto”, finalizou.

Com mandato à disposição do povo, o vereador conta com o aplicativo CHAMA O JOÃO, que está disponível para Android e iOS, onde é possível enviar solicitações que podem ser convertidas em indicações de melhorias para os bairros e acionar o gabinete virtual.

Para acompanhar o trabalho do vereador João César Mattogrosso basta seguir as redes sociais @jcmattogrosso (Instagram) e fb.com/jcmattogrosso (Facebook) ou acessar o site www.joaocesarmattogrosso.com.br. Já o WhatsApp do gabinete virtual é (67) 99904-4045.

Colunas