Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Uso de máscaras passa a ser facultativo no prédio da Câmara Municipal

O uso de máscaras nas dependências do prédio da Câmara Municipal de Campo Grande tornou-se facultativo, conforme ato publicado no Diário do Legislativo de quarta-feira (23). Desta forma, fica retirada a obrigação do uso para vereadores, servidores, estagiários, terceirizados e público em geral.

A medida foi anunciada pelo vereador Carlos Augusto Borges, o Carlão, presidente da Casa de Leis, durante a sessão ordinária de terça-feira. O ato da Mesa Diretora segue a mesma decisão do decreto municipal, publicado na terça-feira (22), que deixou como opcional o uso de máscaras de proteção facial, mesmo em locais fechados em Campo Grande, diante da redução dos casos de coronavírus e avanço da vacinação. O Governo do Estado já tinha retirado a obrigatoriedade. 

Desde o início da pandemia, a Câmara vem adotando medidas preventivas para evitar a transmissão do coronavírus, sem interromper as sessões e eventos. Quando os casos aumentaram, foi adotado trabalho remoto com sessões ordinárias e Audiências Públicas sendo transmitidas pelas redes sociais da Casa de Leis. 

Atualmente, o acesso ao público está liberado em todos os eventos, mas a população pode continuar acompanhando o trabalho dos vereadores no Facebook ou canal no Youtube da Câmara. 

Colunas