Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

SES recebe visita do Ministério da Saúde e Fiocruz para enfrentamento da Dengue, Zika e Chikungunya

A Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso do Sul recebe, a partir desta terça-feira (24),  a visita técnica de representantes do Ministério da Saúde, que vem com a missão de fortalecer às ações de vigilância e controle vetorial. A ação segue até quinta-feira (26),e também vai tratar da gestão de insumos, capacitar o manejo clínico e vigilância laboratorial, além  de promover a discussão do panorama das arboviroses no Estado.

Segundo o secretário de Estado de Saúde, Flávio Britto, a visita do Ministério da Saúde representa o fortalecimento de uma ação estratégica para redução do número de casos de dengue e de outras doenças em nosso Estado. “Dentro da ação programática realizada em parceria com o Ministério da Saúde, está uma importante ação de capacitação de profissionais de saúde voltada ao manejo clínico e vigilância laboratorial que será realizada pelo pesquisador da Fiocruz, Rivaldo Venâncio. É importante que a população nos ajude nesta luta, mantenham quintais limpos e não deixe água parada. A dengue mata e importante estarmos vigilantes com as outras doenças como a Zika e a Chikungunya”.

O consultor técnico das Arboviroses do ministério, Pablo Fontoura, destaca o fortalecimento da troca de informações entre o governo federal e os estados. “Nós queremos fortalecer a vigilância, assistência e o controle vetorial de Mato Grosso do Sul. É um momento oportuno para fazermos essa troca de informações e esta parceria. Percebemos que há um aumento de casos, inclusive, de casos graves e óbitos no país, nós temos que estar sempre fortalecendo e oferecendo essa acessibilidade, da capacitação, da vigilância e também dos profissionais que atuam na assistência tanto na atenção primaria quanto como na atenção básica, então é muito importante essa parceria com estados e municípios para que a gente continue caminhando neste enfrentamento às arboviroses”.

A diretora-geral em Vigilância em Saúde da SES, Larissa Castilho, destaca que nestes três dias que o Ministério da Saúde ficará no Estado, será “a oportunidade de a Secretaria de Estado de Saúde mostrar ao ministério quais são as ações que o Estado tem feito para o enfrentamento das arboviroses. “São ações diárias que fazemos a partir de nossas equipes juntos com os 79 municípios do Estado. Assim como eliminar os focos de criadouros do mosquito é fundamental e principalmente, entender o manejo clínico de pacientes, isto é, de extrema importância. Por isso, precisamos estar presentes todas as áreas neste enfrentamento”.

A gerente de Doenças Endêmicas da SES, Jéssica Klener, lembra que a SES vem desenvolvendo ações junto aos municípios. “Neste ano, nós pudemos retornar aos municípios oferecendo diversas capacitações. Assim, de forma presencial, tiramos as dúvidas e atualizamos sobre o registro do fluxo de como notificar? Quando notificar? Qual sistema usar? O que deve ser encaminhar ao Lacen para análise. Ações extremamente importantes para este enfrentamento”.

Para o assessor militar na SES, Coronel Marcello Fraiha, esta visita representa mais uma ação de fortalecimento para Mato Grosso do Sul. “Significa mais um reforço às nossas ações que estamos desempenhando no Estado. Desde outubro de 2021, temos feito diversas ações de combate ao mosquito que avançou para este primeiro período do ano”.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO TÉCNICA

24/05 (terça-feira)
08h30 – Reunião do Comitê – Auditório Governadoria
10h– Reunião na Secretaria de Estado de Saúde – SES – Sala de Situação
Público-alvo: profissionais da vigilância e controle de arboviroses do Estado e municípios
– Rotina na vigilância de arboviroses (Pablo Fontoura – técnico da CGARB)
10h40 – Vigilância entomológica e controle vetorial (Geovane Nascimento – Técnico da
CGARB)
12h00 – Almoço
14h00 – Visita ao campo – atividade de controle vetorial

25/05 (quarta-feira)
Público-alvo: Enfermeiros, médicos, auxiliares de enfermagem, LACEN e demais profissionais da saúde do Estado e municípios
9h – Manejo Clínico e Vigilância Laboratorial (Rivaldo Venâncio – Fiocruz/RJ)
11h – Discussão
12h00 – Almoço
14h00 – Investigação de óbitos (Eduardo Lana e Sulamita Brandão – técnicos da CGARB)
Público-alvo: Profissionais da saúde do Estado, municípios e profissionais do hospital privado e regional de Campo Grande.

26/05 (quinta-feira)
8h – Equipe técnica da SES e Ministério da Saúde – visita técnica na Secretaria Municipal de Saúde e Unidade de Saúde de Jaraguari/MS.
9h – Equipe Ministério da Saúde – Visita ao LACEN
12h00 – Almoço
14h00 – Visita Técnica – Ministério da Saúde na Unidade de Saúde de Campo Grande – SESAU – Exercício prático – investigação de óbitos.
17h – Reunião de encerramento e encaminhamentos

Colunas